185
roteiros
124
cidades

Fíji para mochileiros ou viajantes econômicos

É até difícil imaginar, mas Fíji é um país que recebe MUITOS mochileiros e viajantes mais econômicos! Acho que o marketing dos grandes e...

Estados Unidos muito além de Miami, Disney e NY – Parte 01

Se você nos acompanha pelo Instagram, já deve saber que estamos passando 38 dias no oeste dos Estados Unidos, explorando Parques Nacionais e outros cantinhos naturais muito bem preservados pelos americanos. Estamos agora no Arizona!

Polinésia Francesa (Tahiti, Bora Bora e muito mais)

Taí um destino que faz parte da listinha de desejos de grande maioria dos viajantes. Muitos, ainda, sonham com Bora Bora ou alguma outra...

Sardenha: o paraíso!

A Sardenha é uma ilha – mais precisamente um verdadeiro paraíso – localizada no Mediterrâneo a oeste da Itália, país a qual pertence. Ela não...

Montanhas Rochosas

O VamosPraOnde partiu rumo às Montanhas Rochosas Canadenses para explorar cenários que fogem do comum. Queríamos ir além das dicas de revistas, além do turismo padrão, além da multidão. E conseguimos!

Roteiro de uma volta ao mundo

29 de Abril de 2016
3 comentários 3.065 visualizações

imagem de volta ao mundo

Meu roteiro por aí

linha pontilhada

Quando comecei a pesquisar sobre o mochilão uma das primeiras coisas que pesquisei foi sobre a passagem de volta ao mundo. Li sobre todos os prós e contras, custos, li relatos de pessoas que tinham usado e também que não tinham usado. Acabei decidindo que essa passagem não era pra mim: eu não queria nada me prendendo. Queria – e ainda quero – ir livre pra fazer as minhas escolhas ao longo do caminho, mudar de idéia, adaptar meus planos conforme tudo for acontecendo, conforme eu vá conhecendo pessoas na estrada e também conforme amigos e família que queiram me encontrar pelo caminho.

Com essa decisão, eu sei que posso acabar gastando mais dinheiro do que gastaria, mas a relação custo x benefício para o meu propósito vai ser melhor, eu acho, rsrsrs…

babi na chapada diamantina

Quando eu trabalhava, eu costuma planejar minhas viagens de férias com muita antecedência. Isso porque eu tinha datas restritas e queria sempre aproveitar o máximo possível em cada viagem. Nesse momento, entretanto, tudo o que eu tenho é tempo, e quero é ficar livre de qualquer obrigação.

Bom, mas veja bem: não comprar a passagem não significa que deixei o planejamento totalmente de fora da minha viagem. Eu tenho um rascunho dos países e regiões que gostaria de conhecer e mais ou menos os meses que gostaria de chegar em cada continente. Isso é extremamente importante para evitar situações como: pegar muito frio num lugar, épocas de alta estação que são mais caras, monções na Asia e por aí vai…

o que levar em uma volta ao mundo

Por enquanto estou seguindo bem dentro do que tinha imaginado. Antes de começar tinha traçado alguns lugares dentro do Brasil que queria conhecer e consegui ir a todos até agora, com excessão da Ilha de Marajó que ficou de fora do meu roteiro porque fiquei doente quando estava em Belém e perdi quase 3 dias de cama.

Plano 1: Brasil, Colômbia, Cuba e México

Quando comecei, dia 14 de Janeiro, não tinha nenhuma passagem comprada nem datas definidas; tinha apenas a noção de quanto tempo queria ficar no Brasil (2 meses) e que depois queria ir pra Colômbia. Aí teria de Março a Junho pra conhecer pelo menos os 3 países que mais tinha interesse: Colômbia, Cuba e México. Determinei junho como o mês em que eu chegaria em Portugal para poder pegar a Europa durante o verão, evitando assim o frio e roupas pesadas no meu mochilão.

Plano 2: Curtir o verão europeu

A princípio, Portugal será minha porta de entrada na Europa – eu vou tirar meu passaporte Português e pretendo fazer isso logo no início da viagem pra ficar livre pra viajar quanto tempo eu quiser pelo continente. A Alemanha entrou no roteiro também pois sempre quis conhecer o país. Tenho algumas amigas brasileiras e alemãs por lá e seria MARAVILHOSO reencontrar todo mundo. Depois seria o Leste Europeu pois não conheço nada por lá – e, bom, também porque é mais barato que o restante da Europa e num mochilão como o meu gastar em EURO é um luxo, rsrsrs…

Em setembro tenho que estar na Espanha pois minha mãe, padrasto e irmã vão me encontrar. Não estava nos meus planos ir pra Espanha pois já conheço um pouquinho do país (e também por causa dos custos), mas se é pra encontrar com a familia vale, até porque nessas horas mamãe que convida, hahahaha…

Plano 3: Marrocos com a família e curso de francês

Da Espanha seguimos juntos para o Marrocos e de lá devo ir pra França estudar francês durante uns 2/3 meses, provavelemente de outubro a dezembro. Ainda não sei onde vou estudar nem por quanto tempo exatamente. Vai ser bom porque vou dar uma pausa no ritmo frenético de viagem por um tempo pra depois retomar e partir diretamente pra Ásia.

Plano 4: Ásia, África e Austrália

Na Ásia ainda não faço ideia de nada, quero conhecer o máximo possível, devo ficar uns 6 meses e quero ficar 1 mes pela Índia, 1 mes na China e o resto em outros países.

De lá sigo para o sul da África onde devo passar uns 4 meses e depois devo seguir pra Austrália. Um país que quero muito conhecer é o Irã, ainda não sei quando eu vou nem como vou encaixar no meu roteiro mas quero muito. Em 2015 recebi através do Couchsurfind a Maryan, uma iraniana super gente boa que me convidou pra conhecer seu país. Além disso, um amigo meu foi ano passado e amou!

Enfim.. pra resumir tudo o que falei, meu rascunho de planejamento é mais ou menos assim assim ó:

  • Janeiro a Março – Brasil: Salvador, Chapada Diamantina, Taipu de Fora, Morere, Chapada dos Veadeiros, Belem, Ilha de Marajo, Manaus
  • Março, Abril – Colombia (Bogota, Medellin, Cartagena) e Cuba
  • Maio – México
  • Junho – Chegada na Europa – Portugal e Alemanha
  • Julho, Agosto – Leste Europeu
  • Setembro – Espanha e Marrocos com familia (entrou no planejamento recentemente)
  • Outubro, Novembro e Dezembro – França (Curso de França)
  • Janeiro a Junho – Asia: China, India, Tailandia, Laos, Cambojda, Vietna…
  • Julho a Outubro – Africa: África do Sul, Zimbawe, Botswana, Namibia, Tanzania, Irã
  • Novembro, Dezembro – Austrália
  • Janeiro – Volta pro Brasil

Se você quiser ver onde estive por aí, veja o mapa abaixo com todas as cidades que visitei, ele vai sendo atualizado conforme a viagem vai acontecendo ☺


Gostou desse post? Compartilhe com os amigos!
  1. […] Tudo depende de você! A Quel sempre fala aqui da Babi Cady – nossa amiga que está dando a volta ao mundo, por 2 anos, com o dinheiro contadinho – e, entre Couchsurfing, voluntariado, albergues e […]

  2. rafaela 16/04/2017

    olá barbara, te achei pelo instagram e achei sua decisão sensacional! tenho apenas 19 anos, mas tenho esse desejo de passar um ano viajando. No entanto, meu inglês é bem intermediário.. Não confio. Para esse tipo de viagem ser fluente é essencial? você recomenda um intercambio? De todo jeito vou terminar a faculdade primeiro, ainda estou no 7 período. Mas queria fazer esse tipo de viagem antes dos 25, soube que na europa tem descontos para estudantes. Além disso, sei que a pergunta é indiscreta, mas não teria como além de você fazer um post detalhadado, quantificar o valor gasto? sei que você usa muito meios alternativos de hospedagem, mas mesmo assim a dúvida sobre valores ainda é frequente. Qual seria o valor ideal para realizar um mochilão deste nível?

  3. carina 28/09/2016

    oi Bárbara,

    vou iniciar a minha viagem pelo sueste asiático em novembro e quero fazer um roteiro parecido com o seu e depois áfrica. Como você comprou suas passagens dentro da áfrica?
    Basicamente vou fazer o seu roteiro de janeiro a outubro. Pode me ajudar? Qual o custo médio por mês que você está considerando para esse período?