185
roteiros
124
cidades

Meus 7 dias em Tromso + Aurora Boreal!

Nem acredito que realizei esse sonho: ver a Aurora Boreal <3! Foi tudo ainda mais mágico do que eu esperava. Quem acompanhou os posts e os stories no nosso Instagram durante essa minha viagem para Tromso em janeiro/2018...

Como chegar à Machu Picchu

Machu Picchu é um destino maravilhoso! Recomendamos muito que você reserve um espacinho na sua agenda para conhecer esse lugar especial. Machu Picchu representa...

Fíji para mochileiros ou viajantes econômicos

É até difícil imaginar, mas Fíji é um país que recebe MUITOS mochileiros e viajantes mais econômicos! Acho que o marketing dos grandes e...

Estados Unidos muito além da Flórida e NY: Explorando o Oeste

Se você nos acompanha pelo Instagram, já deve saber que estamos passando 38 dias no oeste dos Estados Unidos, explorando Parques Nacionais e outros cantinhos naturais muito bem preservados pelos americanos. Estamos agora no Arizona!

Polinésia Francesa (Tahiti, Bora Bora e muito mais)

Taí um destino que faz parte da listinha de desejos de grande maioria dos viajantes. Muitos, ainda, sonham com Bora Bora ou alguma outra...

As 13 piscinas naturais mais incríveis do mundo – Parte 2

31 de outubro de 2013
7 comentários 2243 visualizações
escrito por Raquel Furtado

Continuando o nosso post sobre as 13 piscinas naturais consideradas as mais belas do mundo, apresentamos aqui mais 3 destinos de tirar o fôlego:

Veja aqui primeira parte dessa matéria! 

CENOTE IK KIL – MÉXICO

mexico

Localizada no Parque Eco-Arqueológico Ik Kil, há 3 km de Chichén Itzá (uma cidade arqueológica em Iucatã), essa piscina natural é um dos muitos cenotes da região. Os cipós e pequenas quedas d’água são belezas a parte. Incrível! O cenote é a céu aberto e o nível da água fica a 26 metros abaixo do nível do solo. São cerca de 60 metros de diâmetro e 50 metros de profundidade. A temperatura da água é bem agradável, próxima dos 25ºC. É possível pular na piscina a partir de um platô na gruta, e não existe o risco de bater com o pé ou com a cabeça em uma pedra.

Para a tristeza dos viajantes que gostam de maravilhas inexploradas e da emoção do difícil acesso, Ik Kil é bem turística e está sempre lotada. É aberta ao público para a natação e é frequentemente incluída em passeios de ônibus. Junto ao cenote, há um complexo com restaurante, loja, balneários e casas para alugar. Existe também uma ruína maia no local.

O que é um cenote?

Cenotes são buracos no solo cheios de água que corre de rios subterrâneos. Podem ser profundos ou rasos. Na península de Yucatán, há cerca de 3 mil cenotes. Sagrados para os maias, os cenotes serviam como fonte de água potável e entrada para o mundo subterrâneo, para onde vão os mortos.

Como chegar?

A cidade mais próxima do Cenote é Chichen Itzá. Ônibus saem com frequência do terminal rodoviário de Cancún em direção a ela. Também é possível contratar alguma agência local ou táxi para fazer a viagem. São 200km de distância. O cenote fica dentro do parque eco-arqueológico e é acessível por caminhada ou micro-ônibus. Há uma entrada de US$6 que dá direito ao uso dos banheiros e vestiários. O passeio do cenote não está incluído no de Chichen Itzá, mas avise seu guia que quer conhecê-lo. Ele pode sondar com o resto do grupo se todos querem ou te encaixar num outro grupo de visitantes.

Ao chegar ao Cenote, há uma escada entalhada para baixo que o levará à plataforma de natação.

GINNIE SPRINGS – FLÓRIDA

florida

A coleção de cavernas subaquáticas de água doce dá um toque charmoso à Ginnie Springs e certamente é um dos lugares mais espetaculares para se visitar na Flórida. A piscina está localizada em um parque de propriedade privada, ao longo do Rio Santa Fé, em High Springs.

Esta beleza natural também é altamente turística. Inúmeros americanos, sejam eles jovens ou adultos, passam os finais de semana por aí, bebendo e festejando. Veja relatos no Trip Advisor. Entretanto, é possível visitar o local mais vazio nos dias de semana, principalmente fora de temporada. Se sua ideia é curtir uma piscina natural com tranquilidade, evite o período do Spring Break.

A principal atividade no local é o curso de mergulho em cavernas. Há também aluguel de caiaques.

Como chegar?

Localizada próxima à cidade de High Springs, Ginnie está a apenas 2 horas dos aeroportos de Orlando, Jacksonville ou Talahasse, a capital do estado da Flórida. Saindo de Orlando, o melhor caminho – e o mais curto – é pela Floridas Turnpike. Depois pegue a I-75 N. O GPS de lá é: 29º 48,907′ N / 82º 42,475′ W (WGS 84).

Dirija até o estacionamento da Ginnie Springs, onde haverá uma lojinha. Siga as placas. Depois é só seguir o caminho protegido com anti-derrapante.  O local oferece ótima infra-estrutura. Inclusive com área para piquenique, quadra de vôlei, área de acampamento e praias de rio.

PARQUE TAT KUANG SI – LAOS

tatkuang

As Cachoeiras Kuang Si são um complexo de quedas d’água localizadas no Laos que variam entre tons de azul-turquesa a verde-esmeralda. Este é o destino preferido dos turistas que visitam o país. É possível nadar tanto nas piscinas na base, onde tem a queda da cachoeira, quanto no topo das pedras e mergulhar entre as camadas das quedas. A cachoeira principal tem cerca de 60 metros de altura. É possível chegar a seu topo subindo por uma trilha, pequena porém íngreme, por 20 minutos.

O melhor horário pra visitar o parque é na parte da manhã, por ter menos turistas, mas a tarde também dá pra aproveitar, ainda mais se você quiser se refrescar nas belíssimas piscinas geladas!

Como Chegar?

Partindo do centro de Luang Prabang, o Tat Kuang Si Parque está a aproximadamente 30km. Sua principal atração é o complexo das Kuang Si Falls. Pode-se chegar lá em um dos inúmeros passeios de van que são oferecidos nos albergues e nas agências, ou de tuk-tuk. O tempo de viagem é de 40 minutos e a estrada que liga o centro da cidade ao parque é cheia de curvas e de paisagens belas.

Para entrar no parque é necessário pagar uma taxa de 20.000 kip ou US$2,50.  Pode-se caminhar por uma área florestal onde há um centro de resgate de ursos pretos asiáticos. Vale a pena parar um pouquinho pra ver os ursos de perto.

Na parte inferior das quedas, existem várias piscinas de águas azuis e pequenas cascatas (3-5 metros de altura), algumas das quedas são multicamadas. A maioria das piscinas está aberta para a natação (uma está fechada por ser um local sagrado). O lugar está bem conservado, com passarelas e pontes para orientar os visitantes.

_____________________________

Demais, né?!

Continue lendo a matéria sobre as 13 piscinas naturais mais incríveis do mundo:

Gostou desse post? Compartilhe com os amigos!

  1. Monica 05/11/2013

    Imaginei que fosse errinho de digitação! Esse cenote tá na minha lista, abril do ano que vem vamos pra lá!!!!
    :-D

  2. Monica Barros 04/11/2013

    Ótimas dicas, paisagens incríveis! Mas Ik Kil fica na Península de Yucatan, e não Lucatã.

    • raquelffurtado respondeu Monica Barros 04/11/2013

      Oi Mônica! Muito obrigada pelo comentário e a correta observação. Era para termos escritos Iucatã, o nome brasileiro da península de Yucatán, Mas por alguma distração colocamos o L no lugar do I! :-/
      Mais uma vez obrigada pela sua atenção ao ver nosso blog!!
      Grande abraço!

    • raquelffurtado respondeu Monica Barros 04/11/2013

      Ah, já corrigimos! :)

  3. Jéssica 04/11/2013

    Que lugares maravilhosos! E que site maravilhoso tb! :-)

  4. Marcelo 31/10/2013

    Que sonho! Muito boa a matéria! Vontade de largar tudo e ir agora!