185
roteiros
124
cidades

Fíji para mochileiros ou viajantes econômicos

É até difícil imaginar, mas Fíji é um país que recebe MUITOS mochileiros e viajantes mais econômicos! Acho que o marketing dos grandes e...

Estados Unidos muito além de Miami, Disney e NY – Parte 01

Se você nos acompanha pelo Instagram, já deve saber que estamos passando 38 dias no oeste dos Estados Unidos, explorando Parques Nacionais e outros cantinhos naturais muito bem preservados pelos americanos. Estamos agora no Arizona!

Polinésia Francesa (Tahiti, Bora Bora e muito mais)

Taí um destino que faz parte da listinha de desejos de grande maioria dos viajantes. Muitos, ainda, sonham com Bora Bora ou alguma outra...

Sardenha: o paraíso!

A Sardenha é uma ilha – mais precisamente um verdadeiro paraíso – localizada no Mediterrâneo a oeste da Itália, país a qual pertence. Ela não...

Montanhas Rochosas

O VamosPraOnde partiu rumo às Montanhas Rochosas Canadenses para explorar cenários que fogem do comum. Queríamos ir além das dicas de revistas, além do turismo padrão, além da multidão. E conseguimos!

5 estações de ski imperdíveis pelo mundo

22 de Janeiro de 2017
4 comentários 795 visualizações
escrito por Raquel Furtado

Separamos 5 estações de ski incríveis pra vocês que amam esportes de inverno, principalmente ski e snowboard (nosso vício!). Aproveite!! E conte pra gente se você já esteve em alguma delas!

linha pontilhada

Top 5 estações de ski que valem a pena conhecer

criterios para escolha das estações de ski

1) Whistler Blackcomb

Whistler Blackcomb é a Disney dos resorts de montanha. Ela está localizada a 1:30h de carro de Vancouver, na costa oeste do Canadá. Completamente projetada para tornar a experiência dos viajantes inesquecível, a estação engloba duas grandes montanhas com pistas para todos os níveis, ótimos parks que atendem a todas as habilidades e hotéis e boas opções de restaurantes (com qualidade que supera a de vários resorts).

detalhes de Whistler - estações de ski

Estivemos por lá duas vezes no inverno e uma no verão, e ficamos com gostinho de quero mais em todas elas (no verão, Whistler se transforma no paraíso da mountain bike – e nós ainda aproveitamos para saltar de bungee jump).

Whistler já foi eleita várias vezes a melhor estação de ski da América do Norte.

Dá uma olhadinha no tamanho do resort!!!

mapa de postas de whistler blackcomb

Em 2016, foi anunciado um plano de investimento de 345 milhões de dólares, para melhorar ainda mais a estação (logo quando a gente já não sabia o que precisava ser melhorado…)

Uma curiosidade interessante: Whistler conta com a PEAK 2 PEAK, a gôndola mais alta e mais longa do mundo!

Veja aqui as tarifas para esquiar por lá.

Foto de um salto em Whistler

2) Vail

Vail fica a 2 horas de carro de Denver, no Colorado, e é considerada uma das mecas dos esportes de neve, famosa principalmente pela qualidade da neve. Ela é a 3a maior estação de ski dos Estados Unidos.

Detalhes sobre vail - estações de ski

A estação conta com meios de elevação bem rápidos e eficientes, além de terreno para todo tipo de esquiador. Vail conta com uma das maiores áreas groomadas (pistas preparadas pelos snow cats) do mundo, além de bowls na parte de trás da montanha que garantem a diversão de quem prefere andar em fora de pista (bom demais!!!).

Uma das vantagens de Vail é que, em alguns casos, o passe de acesso à montanha pode ser usado nos resorts vizinhos: Beaver Creek, Breckenridge e Keystone. Isso depende do número de dias que você compra no passe, claro, mas já é um super ponto positivo.

Veja as tarifas para esquiar por lá e o mapa da estação.

3) Zermatt

Zermatt no inverno

Créditos: myswitzerland.com/

Zermatt é o que a maioria das pessoas idealiza quando pensa em ir de férias para um destino de neve.

Localizada na Suíça, Zermatt é uma vila pequenininha, onde não passam carros. Ela é cheia de restaurantes de fondue, lojas de grife e a vista do impressionante do Matterhorn, aquela montanha do símbolo do Toblerone.

Seus mais de 400km de pistas atendem de iniciantes aos mais experientes esquiadores e snowboarders do mundo (entretanto, ela é mais indicada para intermediários e avançados). Zermatt é famosa pelo powder (a neve é mesmo sinistra por lá) e pelo fato raro de te permitir esquiar do lado suíço e italiano dos alpes, no mesmo dia :-).

detalhes sobre zermatt - estações de ski

Nós estivemos lá na temporada de 2013/2014 e adoramos o visual e as pistas. O único porém é o preço: enquanto o padrão de qualidade é alto, nível suíço, os preços, claro, também são altos, bem nível suíço.

Veja as tarifas para esquiar por lá e se liga na nossa dica de hospedagem.

4) 3 Vallées

Os Trois Vallées são a maior área esquiável do mundo. Localizado nos alpes franceses, o resort engloba, além de outras 5, estações famosas como Courchevel, Méribel e Val Thorens. Aqui, todos os números são exagerados: mais de 600 km de pistas (com 328 pistas diferentes), 166 lifts e mais de 2100 canhões de neve artificial, garantindo a qualidade da neve, caso a natureza não ajude.

detalhes sobre 3 vallees

As estações francesas são o lugar pra ver e ser visto nas temporadas de neve e a qualidade é inigualável. Em 2014 nós estivemos lá perto, em Tignes-Val d’Isere (que também dispensa comentários de tão incrível que é – destaque para a festinha na montanha que rola no Folie Douce) e só ouvimos coisas boas das estações de 3 Valles. Definitivamente estão na nossa wishlist.

Mapa de pista de 3 valores

Veja aqui as tarifas para esquiar por lá.

5) Niseko (sim, incluímos o Japão)

Niseko está localizado na ilha de Hokkaido, no norte do Japão e é um dos lugares que mais queremos esquiar no mundo.

O Japão pode parecer um lugar distante (que realmente é) e inalcançável (aí que nos enganamos, chegar lá é mais facil do que pensamos), e para a maioria das pessoas, uma visita ao país não englobaria se aventurar nas pistas de uma estação de ski. O que poucos sabem, entretanto, é que lá é um dos melhores lugares do mundo para esquiar, com precipitações recordes de neve e um dos melhores powders do planeta. O resort recebe mais de 15 metros de neve por ano!

Detalhes sobre Niseko - estações de ski

Veja as tarifas para esquiar por lá.

Niseko é um dos destinos mais populares entre os japoneses para andar de ski e snowboard, e pode ser uma excelente oportunidade para conjugar uma viagem de aventura na neve com atrações culturais na terra do sol nascente. E se for até o Japão esquiar, você pode considerar conhecer outras estações também, como Hakuba, por exemplo.

A estação não é tão grande quanto as que vemos na Europa e América do Norte, mas dizem que a qualidade na neve é tão incrível, mas tão incrível, que mesmo que o resort fosse pequenino, ir até lá esquiar já valeria à pena:

Mapa de Niseko - estações de ski

linha pontilhada

E pra você? Quais são as estações de ski mais incríveis do mundo? Quais você já visitou? Conta pra gente aqui nos comentários!

Gostou desse post? Compartilhe com os amigos!
  1. Rodrigo 23/01/2017

    Olá Raquel!
    Considerando a experiência de vcs em estações de esqui e a minha total inexperiência nesse quesito, vc indicaria alguma estação de esqui na América do Norte para uma familia (casal e filho de 7 anos) que nunca calçaram uma bota de esqui terem uma primeira experiência nesse esporte? Obrigado! Rodrigo

    • Raquel Furtado respondeu Rodrigo 24/01/2017

      Oi Rodrigo, eu amei Whistler de paixão!! A cidade é incrível – uma experiência perfeita para a primeira vez em um ski resort. Sem contar a estrutra da montanha para crianças e iniciantes, que é demais. Whistler, entretanto, é mais carinha. Como segunda opção eu falaria alguma das montanhas perto de Lake Tahoe. Northstar, por exemplo, é uma ótima opção pra quem está começando :-)

      Espero ter ajudado!

      Beijo,

      Quel

  2. Federico Santos 22/01/2017

    Já fui em três dessas aí! Estou querendo ir pra Nova Zelândia, pra fugir um pouco da América do sul no meio do ano e agora vc me deixou com vontade de ir ao Japão!

    • Raquel Furtado respondeu Federico Santos 22/01/2017

      Nova Zelândia é uma boa ideia mesmo! Também tenho muita de vontade de conhecer as estações de ski por lá.