185
roteiros
124
cidades

Fíji para mochileiros ou viajantes econômicos

É até difícil imaginar, mas Fíji é um país que recebe MUITOS mochileiros e viajantes mais econômicos! Acho que o marketing dos grandes e...

Estados Unidos muito além de Miami, Disney e NY – Parte 01

Se você nos acompanha pelo Instagram, já deve saber que estamos passando 38 dias no oeste dos Estados Unidos, explorando Parques Nacionais e outros cantinhos naturais muito bem preservados pelos americanos. Estamos agora no Arizona!

Polinésia Francesa (Tahiti, Bora Bora e muito mais)

Taí um destino que faz parte da listinha de desejos de grande maioria dos viajantes. Muitos, ainda, sonham com Bora Bora ou alguma outra...

Sardenha: o paraíso!

A Sardenha é uma ilha – mais precisamente um verdadeiro paraíso – localizada no Mediterrâneo a oeste da Itália, país a qual pertence. Ela não...

Montanhas Rochosas

O VamosPraOnde partiu rumo às Montanhas Rochosas Canadenses para explorar cenários que fogem do comum. Queríamos ir além das dicas de revistas, além do turismo padrão, além da multidão. E conseguimos!

Curaçao | Entendendo a ilha

17 de Julho de 2014
42 comentários 41.225 visualizações

Tudo começou com um planejamento meio furado para passar o recesso da Copa do Mundo na Europa (iríamos intercalar entre curtir o clima da festa no Brasil, ir a alguns jogos e viajar, claro :) ). A ideia era uma semaninha na França, com direito a Paris e Mont Saint Michel, mas os preços das passagens não estavam nada convidativos… Tivemos que mudar nossa estratégia e começar o planejamento a partir de promoções de passagens aéreas. E de repente aconteceu: Aruba ou Curaçao por R$900 + taxas, bem nos nossos dias livres.

A emoção foi imediata! Caribe! Mas confesso que bateu aquela dúvida.. Aruba? Curaçao? Os dois? “Mas não seria o primeiro quase uma cópia de Miami, e o segundo apenas para mergulhadores?” E foi aí que a gente se enganou muito.. e viu que as Ilhas ABC reservam muito mais do que qualquer clichê, qualquer resort, e até mesmo “qualquer” praia de águas completamente azul turquesa e cristalinas.. E que sim, a vida marinha é incrível; mas não para por aí!

Curaçao – o dia em que fomos além das fotos!

Curaçao, para a surpresa de muitos, teve colonização holandesa e hoje é um país autônomo pertencente ao Reino dos Países Baixos. Junto a Aruba e Bonaire, faz parte das Ilhas ABC: três pequenas ilhas localizadas bem próximas à costa norte da Venezuela. Entretanto, não há qualquer relação da ilha com o país (e nem há muita semelhança também com Los Roques – o arquipélago que, sim, pertence à Venezuela – além das águas maravilhosas e da localização geográfica). | Veja nosso relato de 5 dias em Curaçao! |

Curaçao

O idioma oficial da ilha é o Papiamento, mas fala-se fluentemente o inglês, o holandês e o espanhol por lá. A moeda é o Florim (Naf), que nessa época tinha um valor um pouco melhor que o real: U$1,00 = aprox Naf 1,70; mas o dólar americano é totalmente aceito (em alguns casos, entretanto, você receberá o troco em florins).

A ilha tem 444km2, mais ou menos o tamanho de Florianópolis. Dá para visitar praticamente todos os pontos principais da ilha em sua viagem – mas para isso será necessário alugar um carro. E essa talvez seja a principal dica do destino: um carro é essencial! A capital da ilha é Willemstad, que está dividida em Punta e Otrobanda (que significa o outro lado). Uma ponte flutuante faz a ligação entre as duas áreas.

O nome Curaçao, ao contrário do que muitos imaginam, nada tem a ver com “coração”, mas sim “curação” – a arte de curar. Ele foi dado por navegadores portugueses que se curaram do escorbuto ao chegar na ilha, provavelmente por causa dos frutos que comeram ali. Acredita-se que, como os holandeses não conseguiam pronunciar o “ão”, acabaram chamando a ilha de Curaçao.

Curaçao na nossa imaginação

Antes de nossas pesquisas e principalmente antes de chegar lá, nosso conhecimento sobre Curaçao podia ser basicamente resumido nessa foto abaixo, as casinhas de construção holandesa de Punda e Otrobanda:

Curaçao

Eu até cheguei a pensar que a ilha seria mais rústica, com opções de pequenos hotéis e até dificuldades para se encontrar bons restaurantes. Mas nada a ver!

Mapa de Curaçao

A ilha tem uma super estrutura – apesar de ter também áreas um pouco mais simples, outras desertas e umas até mesmo desérticas. As praias são maravilhosas, existem infinitas opções de lazer e esportes na água, o clima é bom o ano inteiro, há pouquíssima chuva e claro, inúmeras escolas de mergulho e points perfeitos para observação da vida marinha, seja de cilindro ou snorkel.

O mapa abaixo mostra bem como é Curaçao: opções de hospedagens e praias com mais estrutura estão no sul, próximo à capital Willemstad (onde está o famoso centrinho da foto acima); praias mais virgens estão próximas ao norte ou, mais precisamente, entre a ponta norte e a capital. Toda essa parte superior do mapa, é a costa menos explorada. Não há muitas opções de praia para banho e o mar é mais agitado. O turismo se concentra em peso na parte inferior.

Ali, pequeninha, à direita de Curaçao, está Klein Curaçao, uma pequena ilha sem qualquer estrutura que é visitada a partir de passeios de barco que duram um dia.

curaçao mapa

Clique na imagem para ampliá-la (e depois use a lupa para ampliá-la ainda mais!). Indicamos com retângulos azuis os pontos de interesse, com estrelas amarelas as vistas ou praias mais belas, com a casinha laranja os principais resorts e com setas azuis a rota que fizemos para conhecer as praias.

Estrutura da ilha

Curação está bem servida de resorts, como o Marriot, Hilton, Renaissance, Livingstone, Santa BarbaraSunscape (esses dois últimos até com opções All Incluvise – mas a gente não indica: falaremos sobre isso adiante) entre outros. Mas a maioria dos hotéis segue uma linha mais européia que americana (o que, na nossa opinião, acaba dando mais charme a ilha), como é o caso do Kura Hulanda Village e Spa, localizado no centro da ilha.

Há também opções de altíssimo luxo e perfeitas para uma lua de mel, como o exclusivo Baoase. Para quem gosta de alugar apartamentos encontramos o Bluebay (nos hospedamos nele e adoramos) e o Saint Tropez Suites. E há ainda opções mais jovens e econômicas, como o super charmoso Scubalodge, mais focado em mergulho mas bem preparado para qualquer hóspede (gostaríamos de ter passado algumas noites aí, mas ele estava lotado).

Opções gastronômicas também não faltam: os restaurantes Tinto, Zest, Cru, Zanzibar, The Wine Cellar são ótimas opções para jantar, e cabanas de praia como a Hemingway não ficam atrás para a hora do almoço. O próprio Baoase tem um restaurante maravilhoso que vale a pena, pelo menos um diazinho, ir conferir!

Jan Thiel

Na nossa opinião, a região mais indicada para a hospedagem de jovens é Jan Thiel (marcada no mapa). Localizada mais ao sul da ilha, a cerca de 15km do centro.

Ali tem de tudo: praia linda, beach blubs, ótimos restaurantes, hotéis a preços mais acessíveis, festas (algumas na areia, com banda, outras à noite, com DJ, como vimos acontecendo no Zanzibar), opções de mergulho, esportes aquáticos, quadra de beach tennis… E ainda é possível sair pra jantar sem depender de carro ou do restaurante do hotel.

Jan Thiel é uma região quase completamente holandesa, o que garante um clima bem charmoso e a deixa nada americanizada. Dá pra sentir bem que Curaçao teve colonização européia.

A praia é privada e o acesso é pago: U$3,50 por pessoa.

Seaquarium Beach

A região do Seaquarium também é bem agradável, repleta de cabanas para almoço, alguns eventos na areia (também com banda), piscinas, bares e até umas lojinhas bem interessantes. É ai em que encontramos o Aquário, onde pode-se assistir a shows e nadar com golfinhos. Mas é uma região badalada (e também onde encontramos algumas opções all-inclusive). Por ser bem próxima ao centro, costuma lotar, principalmente nos finais de semana e na alta temporada. É nela em que está localizado talvez o mais famoso Beach Club da ilha, o Mambo Beach. Ali rolam festas e shows.

Os principais resorts

Os resorts das redes mais conhecidas (Marriott e Hilton) são relativamente distantes das áreas de maior movimento, como as duas mencionadas acima, mas possuem uma área de lazer bem ampla e uma boa praia. Eles estão exatamente um do lado do outro, na Baía de Piscadera a dez minutos ao norte de Willemstad.

O Renaissance, também muito conhecido, já fica em uma região mais central, próximo a um shopping, alguns restaurantes e bares. Ele está ao lado do complexo de restaurantes do Rif.

Curaçao, entretanto, não é um destino pra se escolher um super hotel e passar nele o dia todo. Ao contrário, o interessante da ilha é pegar o carro e explorar as regiões mais selvagens e praias mais belas. Mesmo porque, as praias de hotéis não são assim tão bonitas (não me entenda mal, são lindas! Com aquele mar não tem como não ser.. mas há praias mais encantadoras em outros pontos). A ilha é um destino perfeito para se curtir atividades ao ar livre, um mar maravilhoso, esportes e mergulho; e não o hotel. É por esse mesmo motivo que não indicamos a opção all inclusive – nada que te prenda ao hotel será muito interessante.

Praias de Curaçao

Curaçao possui poucos trechos do seu litoral com praias. Elas são sempre pequenas, com mar calmo e tons de azul ou verde. E, curiosamente, grande parte dessas praias é artificial ou foi “melhorada” pelo homem. Isso até poderia nos incomodar um pouco, uma vez que quebra aquele ar natural da ilha mas, na verdade, agradecemos muito por terem pensado nisso: imagina ver aquele mar maravilhoso e não poder chegar até ele ou passar um tempinho na areia curtindo o visual?

Entretanto, a maioria das praias artificiais pertence a hotéis ou clubes de praia e estão localizadas na região centro-sul da ilha. Já as praias naturais, ou as que foram menos modificadas, ficam na direção de Westpunt (noroeste). Essas são as mais belas praias de Curaçao e estão mais afastadas das regiões principais.

Nossas três preferidas foram Kenepa Grandi, Cas Abao e Port Marie.

Se locomovendo na ilha

É indispensável o aluguel de um carro para se locomover pela ilha e visitar as praias que vão além daquelas em frente a seu hotel. Ele também será útil para ir jantar – ninguém merece comer no restaurante do hotel todo dia né?! :) O transporte público da ilha não é eficiente e, como as distâncias não são assim tão curtas, o preço do taxi acaba saindo mais caro que o do aluguel do carro.

Não há necessidade de alugar nada muito elaborado. O mais econômico, 1.0, deu conta do recado direitinho. Existem várias locadoras no próprio aeroporto. Alugue por lá.

A ilha não é tão bem sinalizada e os GPS’ são inexistentes ou caríssimos. A saída é pegar um mapa e seguir com ele mais sua intuição. Você provavelmente irá se perder :) mas logo logo achará o caminho!

Carro em Curaçao

Atividades em Curaçao

As principais atividades em Curaçao são provavelmente o mergulho e o snorkel, mas há muito mais o que fazer por lá. Flyboard, passeios de jet ski ou lancha, Parasail, SUP e beach tennis estão disponíveis em diversos pontos da ilha, principalmente em Jan Thiel e Seaquarium Beach. Tentem aproveitar a maioria deles, principalmente os que envolvem água – o azul turquesa é muuuuito convidativo!

Curaçao também tem opções de turismo em que visita-se um lado mais desértico e algumas formações rochosas interessantes, além de cavernas, um parque nacional e uma bela e enorme plantação de Aloe Vera. É possível fazer variados passeios de buggy por ali.

Não deixe de ler nosso relato de 5 dias em Curaçao!

Quando ir? Clima, Chuva e Temporadas

A ilha pode ser visitada o ano todo: a probabilidade de chuvas é bem baixa e mesmo quando elas aparecem, são bem passageiras. Curaçao não está na rota dos furacões. A alta temporada é de novembro a março, quando é inverno na Europa e os holandeses aproveitam para curtir uma prainha no Caribe. Junho e julho são meses que costumas ter ventos fortes, mas nada que possa atrapalhar (fomos em junho e até achamos boa a ventania – ajudava a enganar o calor! ;) ).

A água tem uma temperatura perfeita, nem quente nem fria. Fizemos um mergulho em que a temperatura registrada foi de 28C! Excelente!

Na tabela abaixo, indicamos de amarelo a alta temporada (preços estarão mais elevados e a ilha mais cheia) e de laranja o período em que ocorrem algumas chuvas eventuais.

Curaçao tabela temepratura

E aí? Já se animou para conhecer esse paraíso do Caribe?

Acompanhe nossos próximos posts. Vamos contar em detalhe nosso roteiro, explicar um pouquinho sobre os hotéis, os passeios, as praias, e mostrar o que é imperdível e o que fazer caso você passe por lá de navio e tenha apenas um dia na ilha.

Bon bini – bem-vindo – a Curaçao! :)

Gostou desse post? Compartilhe com os amigos!
  1. Rainier 28/07/2017

    Dicas para quem vai viajar sozinho!!! Meu medo é com meus pertences e dinheiro. Qual a dica para esse caso???

  2. Natali 20/06/2017

    adorei o post, como sempre, muito informativo. muito obrigada

  3. Lucia 16/03/2017

    Olá, Quel! Fantásticas fotos e dicas!’ Vou pras Ilhas ABC, mas num cruzeiro de navio. Vou passar apenas um dia em cada ilha. O que vc me aconselharia a ver de mais interessante em cada uma delas? Não sou mergulhadora, curto praia, beleza natural e comida, no caso, seafood. Vale a pena alugar um carro em Curaçao e Aruba por um dia? Ou tentar um tour com um guia local? Terei pouco tempo e preciso otimiza-lo!

  4. Davi 08/01/2017

    Raquel, boa tarde!

    Estava pensando em ficar no Sunscape qu etem all inclused, vi alguns comentários que restaurantes na região tem o preço salgado. O que voce achou?
    Porem, percebi por outro lado que resort ou hoteis sem ser All inclused são bem mais baratos….

  5. Maria Cristina 08/01/2017

    Muito boa suas dicas!!Estou indo dia 18!!

  6. Maicon 07/01/2017

    Boa Noite,

    Raquel,

    Eles falam bem o portugues???

    Sera que terei problemas para me comunicar la com o idioma???

    ate mais

  7. Maicon 07/01/2017

    Boa Noite,

    Gostaria de saber se se comunicam bem com o portugues, estarei viajando para curacao em fevereiro com a familia e nao falamos espanhol.

    ate mais

    Maicon

    • jessica respondeu Maicon 24/02/2017

      depois conta como foi essa é minha duvida tb

  8. Lúcia 29/12/2016

    Boa tarde. Pretendo ir a Curaçao em março de 2017.
    Gostaria de saber se vocês indicam alguém que possa levar até o hotel. E se o aeroporto fica longe dos hotéis. OBRIGADA. Adorei seus comentários.

  9. Fabiana 07/12/2016

    Oi Raquel. Tens alguma informação sobre preços de passagem para Curaçao. Na Avianca por Bogotá a menor tarifa que localizei foi R$ 2.395 para 2017, saindo de SP. Achas que é possível baixar,ou tem sido isso mesmo. Estou achando o preço salgado. Passei minha lua de mel em Curaçao e Aruba, em 2011, e fico sonhando em voltar para Curaçao. Amamos todos os dias que passamos lá. Adorei teu relato da viagem. Parabéns.

  10. patricia santos 05/11/2016

    ola , estamos pensando , meu marido e eu, em ficarmos 30 dias, alugando no booking, vamos alugar um lugar que tenha cozinha, assim fica mais barato, os preços la são em dolar, os preços de comida saem muito caros.

  11. Graziela 27/10/2016

    Ola, Raquel

    Estou encantada pela fotos e o relato. Estou pensando em viajar em março/2017 com minha família, 1 bebe de 1 ano e uma criança de 8 anos.
    Você acha que da pra aproveitar com as crianças ?

    Obrigada,

    • Raquel Furtado respondeu Graziela 28/10/2016

      Super dá para aproveitar! As águas calminhas são perfeitas pra isso!!

  12. Glaucia Oliveira 29/05/2016

    Olá Raquel!

    Obrigada por compartilhar conosco suas experiências de viagens maravilhosas!!!

    Vou pra Curação semana que vem (6 de junho) e ficarei 9 dias!

    Vc recomenda alugar carro todos os dias ? Poderia recomendar alguma locadora?

    Grata pela atenção!

  13. André 02/04/2016

    Raquel, estava fazendo uma simulação na Decolar para uma viagem até lá, o site acusa que a ilha não tem aeroporto, mas tem, o site diz que vai parar em Aruba, como você chegou até lá? Obrigado.

  14. Carolina 16/03/2016

    Oi Raquel!
    Estou planejando uma viagem para Curaçao em julho de 2016 e queria saber se você tem dicas de hotéis para ficar! queria algo mais em conta!
    A viagem é em familia, mas eu e minha irma queriamos um lugar que tenha um agito para a noite!
    Obrigada
    Carolina

    • Raquel Furtado respondeu Carolina 17/03/2016

      Oi Carolina, tudo bem?
      O principal agito de Curaçao é em Jan Thiel. Eu não me hospedei por lá, infelizmente! Você deu uma olhadinha no trip Advisor? Pode te ajudar! Bjos!

  15. Rebeca 16/01/2016

    Lindas as fotos!!
    Estou indo com meu namorado no Carnaval…entretanto
    não temos carteira de motorista internacional…é possível alugar o carro sem carteira de habilitação internacional? Quanto foi a diária do carro que vocês alugaram?
    Obrigada!!

    • IVONI P. GUTTLER respondeu Rebeca 03/07/2016

      Oi, é possivel sim, voltei de la semana passada e alugamos carro. Realmente como todo mundo fala na net que é indispensável alugar carro para conhecer Curação, é fato! Depois que entregamos o carro, pegamos um onibus para voltar a Mambo beach que e muito perto de Willemstad.

  16. Calebe Sangi 20/08/2015

    Ahhhh já quero ir! adorei essa água deve render belissimas fotos!

  17. Mariana 09/07/2015

    Oii, preciso é preciso agendar as atividades? É muito lotado?

    • Raquel Furtado respondeu Mariana 09/07/2015

      A gente agendou o mergulho! Mas dependendo da época, é tranquilo!
      Quando você vai?!

      • Mariana respondeu Raquel Furtado 12/07/2015

        Dia 17 de julho. Semana q vem!

      • Raquel Furtado respondeu Mariana 12/07/2015

        Pode ir tranquilo!! A alta temporada mesmo por lá no fim do ano – quando os europeus querem fugir do inverno ;-)

  18. Fábio 14/11/2014

    Olá, parabéns pelo blog!
    Vou pra Curaçao dia 21/12/14 e fico até o dia 31. Vocês recomendam fazer a reserva do carro antes da viagem? Por ser altíssima temporada (natal e ano novo), corro o risco de ficar sem carro lá caso não faça a reserva com antecedência? Obrigado!

    • Raquel Furtado respondeu Fábio 20/11/2014

      Oi Fábio,

      Acho que vale alugar antes sim!! Aconteceu com a gente em Aruba de ter deixado pra última hora e só terem disponíveis carros mais caros..
      Ótima viagem Pra vocês!
      Beijo!

  19. Carol Frigério 04/08/2014

    Excelente post, Quel!!! Com certeza vai ajudar muito! =)

  20. Arusha 31/07/2014

    Olá. Estou mais apaixonada por Curaçao ainda! Que post maravilhoso.
    Só gostaria de saber em média quanto vocês gastaram (melhor dizer investiram né!) com alimentação e o aluguel do carro.
    Já anotei o valor dos passeios e já estão na lista “preciso fazer”.
    Obrigada por compartilharem tudo tão explicadinho.

  21. Neto 29/07/2014

    Muito legal seu relato…estou com passagem marcada para Curacao em setembro e estou pensando em fazer um bate e volta em Aruba. Vcs compraram as passagens pela Insel air pela internet? Pagaram taxas de embarque em Curacao e Aruba no aeroporto? Grato.

    • quelfurtado respondeu Neto 06/08/2014

      Oi Neto,

      Isso mesmo! Compramos pela net e a taxa foi paga no próprio aeroporto.

      Abração e ótima viagem!

  22. Junior 19/07/2014

    Gostei muito deste post sobre Curaçao! Estou planejando minha lua de mel e pirando nas opções no Caribe! Hahahaha
    Vocês acham que esta é uma boa opção para lua de mel?
    Obrigado!

    • quelfurtado respondeu Junior 23/07/2014

      Oi Junior,

      É uma opção excelente!! Tem muita gente nos escrevendo pedindo cotações para lua de mel! Você vai adorar!!

      • Junior respondeu quelfurtado 17/08/2014

        Que bom Raquel! O blog de vocês está ajudando muito nesta escolha.
        Vocês ficaram em qual hotel de Curacao?

      • quelfurtado respondeu Junior 18/08/2014

        Oi Junior,

        Ficamos no Marriot, no Hilton e no Bluebay (que na verdade são apartamentos). Gostamos do primeiro e do último. Gostaríamos de ter conhecido o Scuba Lodge também, mas estava lotado.

  23. Dani 18/07/2014

    Quel !!! Amei ler seu post já estou super ansiosa pra ir

  24. Gisela Carvalho 18/07/2014

    Quel,
    Adorei o post e todas as dicas! Nem vou precisar esquentar a cabeça na hora de ir, só vou imprimir seus posts e levar. Hehe!
    E as fotos estão de babar!!
    Já estou ansiosa pelo próximo! rs.
    Beijão
    Gi

    • quelfurtado respondeu Gisela Carvalho 18/07/2014

      Obrigada Gi! ehehhe as fotos não tem jeito, o lugar ajuda demais.
      Você vai amar!
      Beijão

  25. Lucas Fernandes 18/07/2014

    Oi, gostaria de saber como vcs fizeram o traslado de uma ilha a outra. E uma média de gastos com hotel. A passagem para aruba essa semana está mais ou menos o preço que vcs pagaram…então….rs.

    • quelfurtado respondeu Lucas Fernandes 18/07/2014

      Olá!
      De uma ilha a outra foi de avião pela InselAir ($70).
      Hotel varia muuuuito, mas o booking te dá uma luz! Considere de 100 a 250 dólares a diária para bons hotéis e bons resorts.
      :)

  26. Laíza 17/07/2014

    Boa noite. Gostaria de saber como vcs chegaram em Curação. Tem vôo direto para lá? Quanto tempo levaram para chegar no destino? É preciso pegar aqueles aviões pequenos? Obrigada.

    • quelfurtado respondeu Laíza 17/07/2014

      Oi Laíza,

      Fomos de Avianca, conexão em Bogotá! Tem um post aqui no blog que a gente conta direitinho :)
      Os aviões são grandes, nada de teco-teco!

      Saindo do Rio até Curaçao foram quase 12 horas de viagem.