185
roteiros
124
cidades

Fíji para mochileiros ou viajantes econômicos

É até difícil imaginar, mas Fíji é um país que recebe MUITOS mochileiros e viajantes mais econômicos! Acho que o marketing dos grandes e...

Estados Unidos muito além de Miami, Disney e NY – Parte 01

Se você nos acompanha pelo Instagram, já deve saber que estamos passando 38 dias no oeste dos Estados Unidos, explorando Parques Nacionais e outros cantinhos naturais muito bem preservados pelos americanos. Estamos agora no Arizona!

Polinésia Francesa (Tahiti, Bora Bora e muito mais)

Taí um destino que faz parte da listinha de desejos de grande maioria dos viajantes. Muitos, ainda, sonham com Bora Bora ou alguma outra...

Sardenha: o paraíso!

A Sardenha é uma ilha – mais precisamente um verdadeiro paraíso – localizada no Mediterrâneo a oeste da Itália, país a qual pertence. Ela não...

Montanhas Rochosas

O VamosPraOnde partiu rumo às Montanhas Rochosas Canadenses para explorar cenários que fogem do comum. Queríamos ir além das dicas de revistas, além do turismo padrão, além da multidão. E conseguimos!

Curaçao por outro ângulo!

26 de Julho de 2014
4 comentários 639 visualizações

Sempre que viajamos a alguma ilha, temos o interesse em vê-la por um outro ângulo, seja do céu (em um vôo panorâmico, por exemplo) ou do mar. Demos uma vez a volta na Ilha Grande no Rio de Janeiro, de lancha, e foi maravilhoso. Em Curaçao não foi diferente, e optamos por fazer um passeio de barco para conhecer as belezas de sua costa (que em algumas partes nem é acessível por carro).

Um passeio de lancha em Curaçao

A ideia de ver Curaçao do mar já era certa, mas precisávamos ainda escolher o passeio e a empresa.

No nosso primeiro dia na ilha conhecemos a All in One Watersports, com quem fizemos nosso mergulho. Conversando com o David (ele não trabalha mais na empresa, agora vocês podem conversar com Heidi), que trabalha por lá, descobrimos que eles tinham outra base, na Cabana Beach, e que lá ofereciam exatamente passeios de lancha e jet ski. Nos interessamos bastante e foi exatamente pra lá que fomos no nosso segundo dia de viagem.

A base da All in One Watersports é uma cabana super charmosa cheia de pranchas de wakeboard, banana boat, jet ski.. Dá pra ver bem que eles oferecem oportunidades de esportes aquáticos para todos os gostos. O pessoal da empresa foi super atencioso e nos apresentou as opções de passeios que nos atenderiam bem: Jet Ski Tours (um passeio de jet que pode ser guiado, ou não) que varia entre 1:30h ou 2:30h de aluguel (U$180 – U$250) ou Boat Tours (2:30h de passeio por U$250).

O aluguel do jet ski era certo, a gente adora :) Mas para realmente observar a ilha com mais tranquilidade e ainda aproveitar o snorkel no Tug Boat (que era incluído na Boat Tours), optamos pela lancha!

A lancha é pequena mas super confortável.

Saímos exatamente da frente da base da All in One Watersports, sobre uma água incrível de tão turquesa!

Entramos na lancha e seguimos em direção à Willemstad para vermos a arquitetura holandesa de Punda e Otrobanda.

No caminho até lá, logo após passarmos por uma regata, fomos surpreendidos por um grupo de golfinhos! Muito lindo! Pena que não conseguimos fotografar tão bem. Vimos ainda um grande cardume de peixes-voadores – que eu na verdade nunca tinha visto – e ficamos encantados! O passeio mal começava e já estava muito bom!

O canal que separa Punda e Otrobanda é um charme só, com vários restaurantezinhos à beira-mar e intenso movimento de turistas. Há ali também uma ponte flutuante que ora liga os dois lados e ora fica “aberta” para os navios passarem.

curaçao

Depois que saímos da capital, fomos em direção à Spanish Waters, onde ficam as maiores mansões de Curaçao. Nesta parte do passeio, fomos contra as ondas, e apesar de termos curtido as “decolagens” da lancha na água, pode ser meio desconfortável para quem enjoa fácil em barcos, mas nada que impeça de se fazer este passeio. :)

Chegando em Spanish Waters, passamos pelo hotel Santa Bárbara que, apesar de não termos o conhecido realmente, nos impressionou bastante! A região é linda e por ser bem abrigada, guarda um mar sem ondas e com bastante vento, o que atrai vários praticantes de windsurf.

Após sairmos de lá, seguimos em direção ao ponto alto do passeio! Paramos a lancha no local onde há um naufrágio de uma antiga embarcação conhecida como Tug Boat. O lugar é incrível! Lá, o marinheiro nos deu equipamento de snorkel (máscara, nadadeira e snorkel) e um saco com pedacinhos de pão para darmos para os peixes – e quantos peixes!

Em Curaçao, mesmo que não se mergulhe de cilindro, o contato com a vida marinha é muito intenso. Passamos alguns minutos por ali, juntando fôlego para descer até o barco naufragado e observar os peixes até nosso ar acabar! Vimos um grupo fazendo scuba diving ali e ficamos com uma pontadinha de inveja! ;)

Com o coração na mão, voltamos para a lancha para retornar à Cabana Beach e andar de jetski :)

Achamos que o passeio da All in one Watersports valeu muito a pena.

As saídas ocorrem normalmente às 10:00hs e as 14:00hs. Não deixem de conferir! Para entrar em contato com eles, enviem um email (em inglês) para Heidi: heidi@curacao-watersports.com

Gostou desse post? Compartilhe com os amigos!
  1. Mariana 09/07/2015

    Para fazer mergulhe com cilindro é necessario fazer o curso? Fiz um mergulho em Fernando de Noronha e deram apenas algumas instruções antes do mergulho.

    • Raquel Furtado respondeu Mariana 09/07/2015

      O Batismo não precisa do curso. O mergulho mesmo, em que vai um grupo e um instrutor e dura 30 minutos precisa do curso :-)

  2. Thaís Towersey 09/01/2015

    Oi Raquel,
    só um obs caso você queria fazer um update: O David não trabalha mais na empresa e aquele email não é mais válido. Eles inclusive mudaram o nome para All in One Water Sports.

    Beijão