Como chegar e o que fazer em St Gallen, Suíça

Em janeiro de 2019 fiz uma viagem deliciosa de quase um mês pela Suíça. Dentre as cidades que visitei está St Gallen. Não entendo porque ela ainda não ficou famosa entre os brasileiros.

Meus 7 dias em Tromso + Aurora Boreal!

Nem acredito que realizei esse sonho: ver a Aurora Boreal <3! Foi tudo ainda mais mágico do que eu esperava. Quem acompanhou os posts e os stories no nosso Instagram durante essa minha viagem para Tromso em janeiro/2018...

Como chegar à Machu Picchu

Machu Picchu é um destino maravilhoso! Recomendamos muito que você reserve um espacinho na sua agenda para conhecer esse lugar especial. Machu Picchu representa...

Guia Fíji (dicas, índice de posts e perguntas frequentes)

É até difícil imaginar, mas Fíji é um país que recebe MUITOS mochileiros e viajantes mais econômicos! Acho que o marketing dos grandes e...

Estados Unidos muito além da Flórida e NY: Explorando o Oeste

Se você nos acompanha pelo Instagram, já deve saber que estamos passando 38 dias no oeste dos Estados Unidos, explorando Parques Nacionais e outros cantinhos naturais muito bem preservados pelos americanos. Estamos agora no Arizona!

Como acumular milhas/pontos e trocá-los por viagens?

8 de junho de 2017
1 comentários 9528 visualizações
escrito por Raquel Furtado

Acho que o assunto que desperta mais curiosidade e interesse aqui no Vamos e no insta é milhas de viagem. Vocês sempre me perguntam como funciona, qual a diferença entre milhas e pontos e se é possível emitir passagens sem precisar colocar a mão no bolso. Sim, é possível – e muito possível. Eu mesma fui pra Los Roques assim e, no ano passado, pros Estados Unidos também (sem contar as várias idas BH-RJ graças aos meus pontinhos)!!

Então vamos lá:

Um guia completo pra você sobre MILHAS e PONTOS

Bom, antes de tudo, PONTOS e MILHAS são a mesma coisa, e podem ser acumulados através de parceiros dos Programas de Fidelidade, (como a Multiplus, por exemplo, um programa que uso muito) ou durante um vôo quando somos cadastrados na companhia aérea (por exemplo, quando voamos de LATAM e ganhamos “pontos” referentes àquele vôo).

A maneira mais comum, ainda, de acumular milhas/pontos, é através do cartão de crédito. Cada compra que você faz é convertida em pontos (a taxa de conversão varia com o cartão, mas é algo em torno de U$1 = 1 ponto – ela varia de acordo com o seu cartão). Praticamente todo mundo que faz compras no crédito acumula automaticamente esses pontos – que, para serem usados em passagens, devem ser transferidos para um Programa de Fidelidade.

A boa dica é usar o cartão ao invés de fazer pagamentos em dinheiro ou por transferências/boletos (para acumular mais pontos) e sempre, sempre, ficar de olho nas promoções de transferências de pontos. Existem promoções que te dão até 50% de bônus em uma transferência, ou seja: você transfere, por exemplo, 30 mil pontos do seu cartão e fica com 45 mil pontos no programa!!

Atualizado em 17/7: essa promoção específica acabou :( Um exemplo é a promoção que está rolando agora entre o Itaú e a Multiplus (inclusive, se você tem conta no Itaú, já se cadastra na promoção – é só colocar o CPF – pra transferir seus pontos com bônus até o dia 14/06).

Outra boa dica é se atentar aos parceiros do seu Programa de Fidelidade favorito e dar preferência às compras ou reservas através deles. Assim, se você faz essas compras com o cartão de crédito, você ganha 2 vezes: pontos que o parceiro te dá (tem reserva de hotel, compra de eletrodomésticos, itens de uso pessoal, tudo!) e os pontos que o cartão te dá. Leia o post “como acumular milhas” para um guia completo sobre as estratégias para acúmulo de pontos.

Fiz um infográfico para resumir essa história toda e facilitar pra vocês! Qualquer dúvida, é só escrever nos comentários =)

como viajar com milhas

Continue lendo caso queira se aprofundar no tema (recomendo muito!):

 

linha pontilhada

Gostou desse post? Compartilhe com os amigos!