4 viagens incríveis que você deveria fazer um dia

Ver o sol nascendo no Utah, nadar nas águas de Fiji, se emocionar com a Aurora Boreal e viajar de Motor Home pela costa da Austrália. Alem da beleza, essas viagens têm ainda um quê de especial.

Roteiro de Inverno na Suíça: a rota ideal para uma viagem perfeita

Se você está pensando em fazer uma viagem para aproveitar o inverno na Suíça, você encontrou o artigo certo.

Como chegar e o que fazer em St Gallen, Suíça

Em janeiro de 2019 fiz uma viagem deliciosa de quase um mês pela Suíça. Dentre as cidades que visitei está St Gallen. Não entendo porque ela ainda não ficou famosa entre os brasileiros.

Rota Romântica na Alemanha: Tudo o que você precisa saber

Guia Completo: Rota Romântica na Alemanha Fundada em 1950 como um projeto turístico, a Roma Romântica é um percurso de 460km que passa por charmosos vilarejos alemães. Ela vai...

Meus 7 dias em Tromso + Aurora Boreal!

Nem acredito que realizei esse sonho: ver a Aurora Boreal <3! Foi tudo ainda mais mágico do que eu esperava. Quem acompanhou os posts e os stories no nosso Instagram durante essa minha viagem para Tromso em janeiro/2018...

O que fazer em Verbier, Suíça: Dicas dos Alpes Suíços

21 de novembro de 2019
2 comentários 270 visualizações
escrito por Raquel Furtado

Verbier é uma vila alpina localizada no sul da Suíça. Extremamente famosa no inverno por ser o maior e mais incrível ski resorts do país, o destino também encanta no verão. Nessa época, as inúmeras pistas ski dão espaço para as bike – e claro, para caminhadas. A paisagem fica deslumbrante!! Estive em Verbier em agosto de 2019 e voltei completamente apaixonada. Finalmente publiquei essa matéria com as minhas dicas de Verbier e as informações sobre o que fazer, onde dormir e onde comer por lá. Não deixem de incluir essa região no seu roteiro.

Verbier, Suíça

Verbier é uma vila alpina suíça localizada no cantão de Valais que conquistou meu coração. Confesso que a conheci por sorte. Já no finalzinho dos meus 2 meses de verão na Suíça, recebi, da secretaria de turismo, uma proposta para conhecer Verbier. Eu já tinha ouvido falar bastante da cidade como parte de todo roteiro de inverno na Suíça. Inclusive, eu conhecia sua fama sobre as inúmeras e maravilhosas pista de ski. Sabia também que o destino era “chique”, badalado e muito desejado por turistas de todo o mundo. Sobre as atividades no verão, entretanto, meu conhecimento era quase nulo.

Tamanha foi a minha surpresa quando, depois de 4 dias por lá, percebi que Verbier é ainda mais incrível no verão. E, além de proporcionar experiências únicas, me proporcionou, particularmente, uma das atividades mais especiais da minha vida <3. Desci uma montanha de bicicleta passando por túneis de flores, apreciando vales e montanhas com picos nevados. É de emocionar, né?

Independente da época do ano, a beleza de Verbier é inegável, e há sempre *muito* o que fazer por lá. Verbier me lembra Whistler, no Canadá – mas ganha na beleza. Reuni nessa matéria as melhores dicas de Verbier e região. Confie em mim: Verbier, na Suíça, merece sua visita. Te mostro aqui o porquê.

(você pode ler esse artigo na íntegra ou acessar a seção abaixo de seu interesse)
visão geral
dicas dO que fazer
dica de hospedagem e onde ficar
dicas de restaurantes e onde comer no rio de janeiro

Escrevo esse post repleta de felicidade. Estou estou nesse minuto no trem, deixando esse pedacinho de paraíso para retornar a Lucerna. Tenho tanto encantamento dentro de mim que chega a transbordar pelos dedos… por isso eu precisava escrever logo. Verbier é mágico – e é um pouco dessa magia que eu tento traduzir aqui hoje.

Abaixo, algumas fotos pra começar – já que dizem que uma imagem vale mais que mil palavras… Dá pra ver o quão maravilhoso Verbier é?


VISÃO GERAL

nessa seção você encontra

SOBRE VERBIER | COMO CHEGAR | VERBIER NO INVERNO

VERBIER NO VERÃO | VIP PASS | É CARO? | O QUE LEVAR NA MALA

FIM DO INDICE

SOBRE VERBIER, SUÍÇA

Verbier é basicamente um ski resort (ou uma estação de esportes de inverno) localizado na comuna de Bagnes, no cantão (para nós, ‘estado’) Valais, na Suíça. A vila faz parte do famoso território esquiável denominado 4 vallés (4 vales). Sua localização é perfeita para o esporte: ela está nos Alpes suíços, fazendo divisa com a França e Itália, situada a 1.500m de altitude. Verbier é igualmente famosa na Suíça por seus circuitos de bike. São mais de 800km de pistas que garantem vistas deslumbrantes das montanhas e vales da região. Não à toa, o slogan da vila é “Pure Energy” (energia pura). Eu concordo: Verbier respira atividades, adrenalina e exala uma paz tão grande capaz de recarregar toda essa energia utilizada.

dicas sobre Verbier, Suíça

Se você viaja para o país entre dezembro e março, não deixe de ler nossa matéria completíssima sobre o que fazer no inverno na Suíça.

COMO CHEGAR EM VERBIER

Você pode chegar em Verbier de carro ou trem + teleférico (que conecta Le Châble – a vila onde chega o trem – até Verbier).

O aeroporto mais próximo de Verbier é o de Genebra. De lá, são cerca de 2h10 de trem até Le Châble e depois mais 10 minutinhos de teleférico. Uma dica pra essa rota é fazer uma parada estratégica, no verão, em Lausanne. A cidade é um charme e o lago Léman super convidativo!

 

MAPA VERBIER SUÍÇA

 

Uma outra opção é chegar pelo aeroporto de Zurich. De lá, são 3h30 de trem + teleférico.

Eu fui à Verbier desde Berna, a capital da Suíça. Uma cidade incrível no verão cuja dobradinha eu também super recomendo. Foram 2h25 de deslocamento.

Transporte público 

Bom, sempre falo aqui que o transporte público na Suíça é super eficiente e uma ótima opção. Pra quem opta por deixar o carro de lado e utilizá-lo, a minha dica é que você aproveite algumas opções de desconto para viagens de trem que a Suíça oferece. São duas mais famosas: O Half Fare Card e o Swiss Travel Pass.

O primeiro é um cartão que custa CHF120 e te dá 50% de desconto em todas as passagens compradas. O segundo é um passe de preço variável, mas que te garante uso livre do transporte público no país por um período determinado. Existem passes de 3, 4, 8 e 15 dias. Ele é indicado para quem passa mais de 3 dias no país e quer viajar bastante de transporte público. O preço não é baixo (por ex: 3 dias, CHF 232.-), então tem que querer viajar bastante mesmo pra valer a pena!

Fiz uma simulação no app da SBB para mostrar a vocês os detalhes da viagem – e preço – desde o aeroporto de Genebra. Note que com o cartão Half Fare você pagaria apenas metade do preço, e com o Swiss Travel Pass não pagaria nada.

como chegar em Verbier de trem

Não deixem de ler nossa matéria com dicas e explicações detalhadas sobre o transporte público na Suíça.

 

Dica:

Recomendo muito que o app da SBB no celular quando forem à Suíça e quiserem usar o trem. Ele é super intuitivo e prático. Além de consultar as passagens, deslocamentos e plataformas, você também pode comprar os tickets. E, uma vez em viagem, quando o controle (aquele funcionário que passa verificando as passagens) aparecer, você pode mostrar o seu ticket direto pelo app também. Você só precisa de internet no seu celular. Para isso, recomendo que comprem um chip da Swisscom ao chegar na Suíça (CHF2 por dia para usar internet). Ou ainda comprem um chip já no Brasil. Indico o pacote  Europa (12GB para 30 dias, US$69,90) da ViajeConectado.

 

Uma vez na região dos 4 vales, você se desloca facilmente pelas montanhas e cidadezinhas de ônibus, carro ou teleférico. E uma notícia boa que já vale mencionar é que, de junho a outubro, a secretaria de turismo de Verbier te garante deslocamentos grátis. SIM! Isso inclui os teleféricos e bondinhos. Esse “bônus” é um dos benefícios do VIP Pass que todo turista que dorme em Verbier ou vilas vizinhas recebe ao chegar na cidade. Explico sobre isso mais adiante!

VERBIER NO INVERNO

Verbier é tipo a meca dos esportes de inverno não apenas para suíços mas para muitos europeus. A estação é chamada de 4 vallés – ou seja: são 4 vales esquiáveis interconectados. A neve por lá é considerada excelente (como Verbier está numa área seca, a qualidade do powder – aquela neve fofinha e que 90% dos esquiadores e snowboarders procuram – é bem alta). São mais de 400km de pistas e muito, muito off piste!

Eu ainda não tive a oportunidade de ir a Verbier no inverno – mas espero resolver isso em breve e trazer minhas dicas pra vocês.

O que posso dizer por enquanto é que, se você ama esportes de inverno, tem um nível avançado e quer esquiar na maior estação de ski da Suíça (e arrisco dizer a mais linda), Verbier é a escolha certa pra você.

VERBIER NO VERÃO

A beleza dos alpes suíços no verão não era uma surpresa pra mim. Afinal, eu já havia passado uns dias em Melchesee Frutt pertinho de Lucerna em julho, explorado a região de Interlaken na primavera e viajado de trem e carro pelas montanhas verdinhas e floridas. Mas eu ainda não conhecia Verbier.

E foi aí que cheguei! Uma vez na região, você percebe que tem muito o que fazer em Verbier – principalmente ao ar livre. Curtir a natureza e a paisagem *surreal* dos vales e montanhas por ali é mesmo o atrativo principal. E há diversas maneiras de se fazer isso. Mountainbike (elétrica ou não), Hike (de caminhadas leves no plano a trilhas de 6 dias de duração), pernoite em cabanas de montanha e brunch alpino com produtos locais são alguns exemplos.

Além disso, claro, há ainda os excelentes restaurantes, a oportunidade de fazer seu próprio thomme cheese (quejo local), ótimas degustações de vinhos locais, visitas a cervejarias, spas, museus, etc. A lista é longa – acredite!

Em meio há tantas opções do que fazer em Verbier, compartilho com vocês dicas das mais incríveis. Eu tive a oportunidade – e a sorte – de realizar uma boa quantidade delas.

VIP PASS (Verbier Infinite Playground Pass)

Como falei acima, o turista que pernoita em Verbier (ou em Val de Bagnes e La Tzoumaz) tem direito a um VIP Pass. Não importa se a hospedagem é em um hotel 5 estrelas, em um albergue, em uma cabana de montanha, airbnb ou casa de amigo: você sempre tem direito ao passe. Caso não o receba em sua acomodação, basta ir ao Visitor Center, falar as datas da sua estadia e solicitar o passe para todo o período.

vip pass de Verbier, suíça

créditos: verbier.ch

O VIP Pass te dá acesso a ônibus e todos os teleféricos da região. O deslocamento por transporte público fica mesmo por conta do Turismo de Verbier e você não precisa se preocupar com isso. A não ser que você queria subir alguma montanha de lift com uma bicicleta. Nesse caso, você precisará de um passe especial. Mas tudo bem pois o VIP Pass te dá 50%.

Na verdade, o VIP Pass oferece 50% de desconto em diversas atividades. Você pode ver a lista completa no site oficial da região.

Eu achei esse benefício – que existe apenas de junho a outubro – excelente. Muita gente considera Verbier um destino caro (acomodação, restaurantes e atrações), mas com o pass a visita fica muito mais acessível.

E bom, já que falei “destino caro”. Será que Verbier merece mesmo essa fama?

É CARO VIAJAR PARA VERBIER?

Um pouco, é – na alta temporada, que acontece durante o inverno. Nessa época, a procura por Verbier é enorme. Como falei, Verbier é tipo a meca dos esportes de inverno não apenas para suíços mas para muitos europeus. A neve por lá é excelente (como expliquei acima), o resort é enorme e o visual é “de babar”!!! No inverno, Verbier pode se dar ao luxo de ser um pouco mais cara que o esperado – ou ainda o praticado por alguns outros ski resorts na Suíça. Mas não por todos. Zermatt e St Moritz também levam essa fama de destino caro e chique – porque são mesmo. Sabe como é né? Quando procura é alta, o preço sobe mesmo!

No verão, entretanto, a história é outra. Esses destinos – e claro, Verbier está na lista –  são tão famosos no inverno que acabam sendo “esquecidos” no verão. Quando alguém fala em Verbier a mente de muitos já vai logo para aquele cenário de montanhas branquinhas e pistas e mais pistas de ski. Uma pena. Eu diria, que o verão é ainda mais mágico. E olha que eu AMO esportes de inverno, já fiz diversas temporadas de snowtrips, sou apaixonada mesmo pelo snowboard e piro quando vejo uma vila alpina nevada. Mas Verbier é simplesmente mágica nas duas estações. E no verão, a paisagem é tão diferente do que o brasileiro está a costumado a ver; as atrações são tão incríveis que a gente mal acredita que existem e os preços são tão mais acessíveis que eu não vejo porque dessa “falta de fama” no verão.

Entendo que muitos turistas não querem ir duas vezes por ano pra mesma cidade né? Falta de criatividade, eles diriam. E é mesmo difícil abrir mão do inverno por ali – entendo! Mas o outro grupo de turistas, aquele que não liga pra 400km de pistas esquiáveis, que ainda está aprendendo um esporte como ski ou snowboard, deveria escolher um destino mais acessível financeiramente – mas que ainda oferece tudo que ele precisa pra uma experiência incrível – e deixar Verbier pro verão. E aí, não, Verbier não é um destino caro. Ainda mais com as vantagens do VIP Pass.

O QUE LEVAR NA MALA

Se você quer aproveitar o melhor de Verbier – ou seja, as atividades outdoor – não se esqueça de incluir esses itens na sua mala:

No verão

  • Calça de trilha ou ginástica
  • Casaco bem quentinho (para partes mais altas)
  • Corta-vento
  • Tênis apropriado para trilhas (de preferência impermeável)
  • Boné
  • Gorro e luvas (caso opte por ver o nascer do sol no topo de uma montanha)
  • Protetor solar
  • Óculos escuros

No inverno

  • Balaclava
  • Gorro e luvas
  • Pescoceira
  • Roupa de ski (calça e casacão impermeável)
  • Fleece
  • Segunda pele de calça e blusa
  • Meia apropriada para esportes de inverno
  • Protetor solar
  • Óculos escuros
  • Proteções para ski / snowboard (capacete, bermuda, etc)


O QUE FAZER EM VERBIER

nessa seção você encontra

PIERRE AVOI | BRUNCH NOS ALPES | MONT FORT | MOUNTAIN BIKE

FIM DO INDICE

Hike Pierre Avoi 

Cheguei em Verbier na hora do almoço em um raro dia de chuva. Curiosamente a previsão indicava dois dias nublados, com trovoadas e água – muita água. Isso é super raro porque Verbier está em uma zona “protegida” da chuva pelas altas montanhas que a cercam. Ela fazem uma barreira que mantém a região bem seca em qualquer época do ano. Chuvas intensas por ali são mesmo raras.

Bom, no meu planejamento eu iria subir o Pierre Avoi (fotos acima). Uma caminhada puxada, mas famosa pela vista maravilhosa de 360 graus da região. Infelizmente, devido à complexidade da subida (não recomendada em dias de chuva por motivos de segurança) e da quantidade de nuvens (que bloqueavam a vista) eu não fiz o hike.

Como cheguei com sede de explorar, pelo menos um pouquinho, Verbier, subi o teleférico de Savoleyeres e desci a Montanha a pé, buscando marmotas, vendo as vaquinhas pretas típicas da região e apreciando a vista – que estava parcialmente encoberta por nuvens, mas ainda assim linda.

Brunch de produtos locais e hike pelas montanhas

Para saber mais sobre esse passeio, acesse o site oficial de Verbier. Ele custa CHF25 por pessoa.

Bom, comecei esse dia saindo do meu hotel La Cordeé dês Alpes e indo de taxi para a Cabane Brunet. Sério, que lugar maravilhoso!!! Se você tiver oportunidade, durma uma noite lá também. Verbier tem várias cabanas nas montanhas (com quartos coletivos e, às vezes, alguns privados) para pernoites especiais.

Por lá, fiz uma aula de yoga com vista pros alpes (uau!) e depois iniciei a caminhada com meu grupo de novos amigos ingleses.

Até que chegamos em uma parte da montanha onde um brunch delicioso estava servido. Recomendo muito!!

Nascer do sol do Mont Fort

Outra experiência incrível na região de Verbier! Você pode ver mais informações sobre ela aqui. O preço é CHF69 por pessoa com café da manhã.

Nós saímos bem cedinho da Cabana Mont Fort, de bicicleta, e pegamos o teleférico de La Chaux para o Mont-Fort. Lá de cima, a vista é linda demais. Ficamos em torno de uma hora observando o sol nascer, as nuvens, a paisagem…

Depois descemos para Col Gentianes, também de teleférico, para tomarmos café da manhã no Igloo des Gentianes.

Mountain Bike em Verbier

 


HOSPEDAGEM

Onde ficar em Verbier (dicas de hospedagem)

Verbier e região oferecem hospedagens para todos os bolsos. Por aqui você encontra desde albergues e lodges e hotéis 5 estrelas.

Eu fiquei no La Cordeé dês Alpes (4 estrelas superior) e não tenho nada além de elogios sobre o hotel. Localização excelente, estrutura maravilhosa, serviço nota 1000 e café da manhã impecável. Achei o preço bem honesto, também (CHF 139.- por noite, no verão). O hotel conta ainda com SPA.

A hospedagem de alto luxo de Verbier é o W Hotel. O Chalet d’Adrien também é super elogiado e bem luxuoso. Toda a arquitetura, entretanto, mantém o charme de uma vila alpina. Você verá muita madeira e propriedades na forma de “chalés”.

Não conheci pessoalmente, mas uma amiga que mora na região elogiou bastante o hotel Vanessa pelo custo x benefício.

Quem procura economizar e não perder conforto pode optar pelo Swiss Lodge. Ele está localizado em Le Chable, onde está a estação de trem. Mas, como falei acima, é super fácil chegar em Verbier com o teleférico. No verão, inclusive, o deslocamento é gratuito graças ao VIP Pass.


RESTAURANTES

Onde comer em Verbier (dicas de restaurantes e bares)

Le Carrefour 

A dica aqui é pedir o “filet de biche sur ardoise” (200g). Vale completamente o investimento de CHF 55.-. A segunda opção seria o Beef Tataki, que como prato principal custa CHF 37.- e como entrada, CHF 20.-. Recomendo ainda o “Rosti Creblet”, no valor de CHF36.

Le Vieux Verbier

Eles são super famosos pelo “Potente”- pedaços de carne flamejadas com cognac e molho à escolha do cliente. O preço é em torno de CHF 55.- por pessoa.

Vignabagne

Ótima pedida para uma degustação de vinho!

Fer a Cheval Verbier

Um lugarzinho que vivem cheio, super tradicional e adorado na cidade. Por ali opte pelas pizzas ou massas. Tudo uma delícia e preço honesto (em torno dos CHF 20).

Restaurant L’Écurie

Almocei nele no primeiro dia e achei excelente. A saladinha de chevre estava divina <3!


 

E pra finalizar: o verão em Verbier é tudo isso mesmo?

É! E a dica é clara: não dá pra *não* conhecer Verbier no verão. Agora que descobri isso, quero gritar pro mundo.

Eu sou uma canceriana nata, chorona por natureza, que fica emocionada com propaganda de margarina. Mas curiosamente, apesar de me apaixonar por diversos cenários e cidades, são poucos os lugares que me tiram realmente o fôlego e enchem meus olhos de água. Acho que eu acabo celebrando essa emoção com um sorriso enorme ao invés das lágrimas. Mas Verbier não teve jeito. Os 4 vales me arrancaram todos os tipos de suspiros – e durante a penúltima descida de bike, na rota La Paine, passando praticamente por um túnel de flores (as famosas flores alpinas rosinhas) eu só conseguia, emocionada, agradecer. 

Verbier na suíça

Se eu quero que você viaje pra Verbier? Quero muito! Mas acho que mais que pra que você veja a paisagem, eu quero que você vá pra sentir o que sentir. Uma gratidão imensa por tanta beleza. Por tanta paz. Por tanta magia.

Obrigada por tanto, Verbier.

 

 

E assim, nosso artigo com dicas de Verbier chega ao fim

Mas e aí? Você já esteve em Verbier, Suíça? Tem alguma dica de viagem pra incluir aqui? Deixe também suas dúvidas ou sugestões nos comentários – vou adorar conversar com você!   fim do conteúdo do post

Para ver mais dicas e poder acompanhar em tempo real minhas viagens…

Que tal seguir o Vamos nas redes sociais? =)
instagram tem atualizações diárias das minhas andanças pelo mundo e é meu principal canal de interação com vocês! A página no face tem fotos, dicas e links dos principais posts aqui do blog.
Ah, e não se esqueça de adicionar nosso FACILITADOR DE VIAGENS nos seus favoritos. Nele você encontra links para diversos sites que uso no planejamento de nossas viagens (tem site de aluguel de carro, de apartamento, de identificar o melhor assento do avião, de conversão de moedas, etc.). Tudo de confiança, que funciona e que eu uso MESMO! Adicione também a nossa seção de DESCONTOS. Um dia você pode precisar – e um descontinho nunca é demais :)
beijos e voa viagem, raquel Furtado, VamosPraOnde

Gostou desse post? Compartilhe com os amigos!

  1. Antonio Carlos Delia 25/11/2019

    Boa Tarde! Vou pra suiça pela primeira vez do dia 28 de dezembro até o dia 2 de janeiro(totalizando 4 dias inteiros). Estou pensando em passar o dia 31 e 1 (reveillo) em Zurique e 29 e 30 em alguma vila alpina, queria saber qual vila alpina vocês mais recomendam.

    • Raquel Furtado respondeu Antonio Carlos Delia 01/12/2019

      Que tal Adelboden? Dá uma olhada no post Suíça no Inverno!!